Publicado em Poematizese

Apenas delete, sinta a leveza

Será que só eu sinto isso? Quando meio ao campo, o bater das asas das águias criam uma brisa leve e constante correndo para o rosto.
Aves, águias, gaviões, fênix…
Me sinto como a Fênix que renasce de suas cinzas, e que depois de sofrer muito em seu leito de dor e morte, revive, vive com uma imensa luz de chamas.
O ciclo que não pára, que me envolve diariamente e me lembra que é preciso viver.

Autor:

Metamorfose ambulante, ♥

2 comentários em “Apenas delete, sinta a leveza

Comente sua opinião aqui

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s